Bem Vindo ao site Poconé On Line o Portal Internacional do Pantanal. email luisfernando@poconeonline.com
Poconé - MT, 17 de Julho de 2018, 19h14   |   Tempo: Mín. ºC | Máx. ºC
Facebook WhatsApp
(65) 9998-1070

PSD de Fávaro adere ao grupo de oposição que articula Wellington para governador

189 visualizações

Jacques Gosch

 

Reprodução

capa Wellington F�varo

 Fávaro e Wellington firmaram aliança na noite desta quinta

O PSD do ex-vice-governador Carlos Fávaro oficializou o ingresso no grupo de oposição que está construído a pré-candidatura do senador Wellington Fagundes (PR) ao Governo do Estado. A decisão foi anunciada hoje (26) à noite, após reunião realizada no escritório do republicano em Cuiabá com a participação de representantes do PR, MDB, PC do B, PTB e PP.

Além de Fávaro, outras duas lideranças do PSD participaram da reunião. São eles, o presidente da Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM) Neurilan Fraga e o vice-prefeito de Cuiabá Niuan Ribeiro.

A decisão foi anunciada pelo presidente estadual do PTB, ex-prefeito de Cuiabá Chico Galindo. “O projeto da pré-candidatura de Wellington Fagundes está crescendo. A chegada do PSD engrandece o projeto, que é novo e visa o desenvolvimento do Estado”, disse.

Galindo também confirma a pré-candidatura ao Senado de Fávaro. No entanto, garante que não foi imposição do PSD.

“Eles não fizeram nenhuma imposição. Foi o grupo de partidos que definiu como interessante a pré-candidatura dele a senador”, completou o petebista, lembrado que a ex-reitora da UFMT Maria Lúcia Cavalli Neder (PC do B) e empresária Margareth Buzetti (PP) também almejam concorrer ao Senado

Segundo Wellington, a recepção do PSD pelo grupo representa uma grande contribuição para o projeto da oposição e, principalmente, para garantir a governabilidade do futuro governo em nível estadual e nacional. “É um partido orgânico, bem estruturado, com representação muito expressiva”, pontua

Wellington ainda diz que o PSD dará uma contribuição importante na formulação do plano de governo, que deve ser apresentado à sociedade. Enfatiza que as propostas devem promover a justiça social, a geração de emprego e o diálogo entre todos os setores.

A chegada do PSD engrandece o projeto, que é novo e visa o desenvolvimento do Estado, diz Galindo

Fávaro garante que a autorização dada pelo Diretório Nacional do PSD e pelo presidente nacional Gilberto Kassab para apoio ao projeto ao governo de Wellington deu segurança ao partido na tomada de decisão. “Fiquei feliz com a autorização e estou feliz por ser convidado pelo grupo de partidos da oposição”, conclui garantindo não ter feito nenhuma imposição quanto à pré-candidatura ao Senado. “Vamos definir as candidaturas passo-a-passo”, pondera.

Manifesto

Nesta semana, Fávaro assinou o manifesto “Porque não apoiaremos a reeleição de Pedro Taques em 2018” junto com outras 31 lideranças políticas de Mato Grosso. Entretanto, ao invés de se manter alinhado aos ex-aliados do governador Pedro Taques (PSDB) que se articulam para lançar o ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (DEM) ou o ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta (PDT) ao Governo, conduziu ao PSD ao grupo de partidos que sempre fez oposição ao tucano e, na maioria, apoiou Lúdio Cabral (PT) em 2014. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Marcos ledur | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 11h05
    0
    0

    Flavio! Pior que não perde o foro, o cara tem mais 4 anos de mandato de senador, perca ou ganhe ele continua com o foro privilegiado.

  • Flavio | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 09h58
    4
    1

    Já pensou o Wellington perdendo o foro privilegiado ?! Tudo que o Silval disse na delação premiada, saindo do STF e indo para o Juiz de 1ª instância... http://www.rdnews.com.br/delacao-de-silval/wellington-seria-principal-beneficiado-com-propina-do-mt-integrado-mostra-delacao/89198 http://www.rdnews.com.br/curtinhas/propina-de-empresas-a-senador/89035

  • Carlos Rapouso | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 09h42
    1
    8

    Eu sabia que o ex vice não não caberia no time do Pivetta. Aos poucos os iguais se atraem, o poder pelo poder. Pivetta deve montar uma chapa que possa fazer a diferença, o continuísmo deve estar do outro lado ou não será o Mato Grosso que queremos.

  • walacce | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 08h49
    6
    7

    O Camarada fica 4 anos usufruindo da estrutura da vice-governadoria e nunca falou que nada, sempre defendia o Governador, agora chega a epoca de eleição ele ve a rejeição do governo e me vem falar que o governo e ruim, na hora de andar de avião as custas do povo nao tava nem ai com a gestão se estava boa ou ruim, FAVARO aprenda uma coisa, politica pode ser suja do jeito que for, porem assim como na vida "o camarada não pode ter duas caras que se queima logo", eu iria votar pra você pra senador, seria meu primeiro voto e depois decidiria o segundo, porem com essa sua atitude voce comprovou que é apenas mais um mercenário no ramo da politica, a partir dessa noticia meus candidatos ao senado são Selma Arruda e José Medeiros este ultimo e ficha limpa tambem, e pra governador a tendencia e que vote em Rossato, ele fez uma boa administração em sorriso, alavancou a cidade, por que o Taques por mais incompetente que seja foi traido pelo senhor, e alem do mais, o senhor renunciou ao cargo ao qual o povo te elegeu em 2014, e uma amostra de que o senhor nao esta nem ai com a população de Mato Grosso, o seu mandato iria até 31/12/2018, o povo lhe confiou isso e o senhor traiu a confiança do eleitorado mato grossense, além do mais o senhor foi se juntar a Wellington fagundes, um politico carreirista e denunciado por desvios milionarios na saude tambem, perdeu meu voto e da minha familia e de quem eu puder pedir, por que, o senhor renunciou ao cargo de vice-governador, quem me garante que não vai renunciar ao proximo cargo, e jogar meu voto no lixo denovo, e da-lhe SELMA ARRUDA e JOSÉ MEDEIROS, competentes e ficha limpa.

  • Adilson | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 07h46
    7
    7

    Wellington Fagundes to fora...chega de votar em investigado...esse não é o Brasil que queremos...Por enquanto só tenho um voto declarado..LAYR MOTA para Deputado Estadual

  • Pensador | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 06h43
    5
    9

    Esse ex eleitor de taques, nunca votou em taques, perdeu a reta? Pra vc falar que esses políticos são os melhores, sei...

  • Dora Pedra 90 | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 01h15
    7
    12

    Chapa imbatível Governador Wellington e Niuam Ribeiro de vice governador.

  • Ex-eleitor do Taques | Sexta-Feira, 27 de Abril de 2018, 00h08
    21
    10

    PODE SER WELLINGTON, MAURO , PIVETTA, QUALQUER UM QUE GANHAR SERA UM MILHÃO DE VEZ MELHOR DO QUE O INCOMPETENTE, ARROGANTE, PREPOTENTE E GRAMPEADOR ILEGAL PEDRO TAQUES.... NUNCA MAIS ESTE PEDRO SE ELEGE PARA NADA EM MT E MELHOR ELE IR TENTAR ENGANAR OS ELEITORES DE OUTRO ESTADO AQUI TERMINA O SOFRIMENTO NO DIA 07 DE OUTUBRO DE 2018...