Bem Vindo ao site Poconé On Line o Portal Internacional do Pantanal. email luisfernando@poconeonline.com
Poconé - MT, 17 de Outubro de 2017, 08h25   |   Tempo: Mín. ºC | Máx. ºC
Facebook WhatsApp
(65) 9998-1070

Detento atira contra clientes e PMs e sofre acidente em fuga

68 visualizações

Uma vítima foi atingida com tiro na mão direita; suspeito também foi baleado de raspão

Polícia Militar conseguiu prender detento que causou confusão em bar da Capita

JAD LARANJEIRA 
DA REDAÇÃO

Um detento de 40 anos, que cumpria regime semiaberto, foi preso na noite deste domingo (18) após causar uma confusão em um bar no Bairro Jardim Europa, em Cuiabá. Descontrolado, ele deu vários tiros no estabelecimento e chegou a acertar um dos clientes.

O homem ainda sofreu um acidente e foi baleado pela Polícia Militar após tentar fugir do local.

Conforme consta no boletim de ocorrência, o caso aconteceu por volta das 23h30, quando o homem chegou em uma moto XRE300, cinza, e passou a atirar em quem estava dentro do local.

A Polícia Militar foi acionada e quando chegou no bar ouviu dois disparos e várias pessoas saindo correndo. Em seguida, eles avistaram o detento ainda com a arma em punho, em cima da motocicleta, na frente do local. Os PMs ordenaram que o mesmo abaixasse a arma e se deitasse no chão, porém o homem se recusou, e atirou contra os policiais duas vezes.

No primeiro momento, a polícia resolveu não revidar, devido a grande quantidade de gente que ainda estava no local.

Com isso, o homem tentou fugir, mas bateu na traseira de um veículo logo em seguida, caindo no chão.

Novamente a PM pediu para que o detento se entregasse. Todavia, ele tentou reagir e os policiais revidaram e atiraram. O homem foi atingido nas costas e soltou a arma imediatamente.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e constatou que o detento foi atingido apenas de raspão. Ele foi levado para o Pronto-Socorro de Cuiabá e, após receber atendimento, foi preso e encaminhado para o Cisc, do Bairro Planalto.

Já a vítima baleada no bar, foi atingida com um tiro na mão direita e segue internada no Pronto-Socorro.

A arma que estava com o detento foi apreendida. Os policiais verificaram que ela pertence a um policial militar.