Bem Vindo ao site Poconé On Line o Portal Internacional do Pantanal. email luisfernando@poconeonline.com
Poconé - MT, 18 de Junho de 2019, 22h08   |   Tempo: Mín. ºC | Máx. ºC
Facebook WhatsApp
(65) 9998-1070

Nível de rio sobe após intensas chuvas e moradores ribeirinhos enfrentam alagamento em MT

322 visualizações

Por G1 MT

13/04/2019 18h07  Atualizado há uma hora


 
Moradores ribeirinhos do Distrito de Fátima de São Lourenço, em Juscimeira, enfrentam alagamentos após nível do rio subir com chuvas intensas — Foto: Prefeitura de Juscimeira/AssessoriaMoradores ribeirinhos do Distrito de Fátima de São Lourenço, em Juscimeira, enfrentam alagamentos após nível do rio subir com chuvas intensas — Foto: Prefeitura de Juscimeira/Assessoria

Moradores ribeirinhos do Distrito de Fátima de São Lourenço, em Juscimeira, enfrentam alagamentos após nível do rio subir com chuvas intensas — Foto: Prefeitura de Juscimeira/Assessoria

 

Moradores ribeirinhos do Distrito de Fátima de São Lourenço, em Juscimeira, a 164 km de Cuiabá, sofrem com alagamentos na região com a elevação do nível do Rio São Lourenço. Um alerta foi feito na última quinta-feira (11) pela Prefeitura de Juscimeira.

Segundo a prefeitura, os moradores devem ficar atentos quanto a alagamentos na localidade.

 
Nível de rio sobe após intensas chuvas e moradores ribeirinhos enfrentam alagamento em Juscimeira — Foto: Prefeitura de Juscimeira/AssessoriaNível de rio sobe após intensas chuvas e moradores ribeirinhos enfrentam alagamento em Juscimeira — Foto: Prefeitura de Juscimeira/Assessoria

Nível de rio sobe após intensas chuvas e moradores ribeirinhos enfrentam alagamento em Juscimeira — Foto: Prefeitura de Juscimeira/Assessoria

Por conta das intensas chuvas nos últimos dias o nível de água da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) São Lourenço aumentou. De acordo com a PCH, foi necessária a liberação de maior volume de água.

O gerente da PCH, Eduardo Brizola, afirmou que a comunicação foi feita também a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros, avisando que o nível está subido e está próximo ao máximo operacional.

Ainda conforme a empresa, os moradores da localidade devem ficar atento quanto às margens do rio, sendo que a previsão é elevar ainda mais o nível da água nas próximas horas.

Moradores fizeram vídeos mostrando os alagamentos. Há estradas e pontes danificadas, além de prejuízos em propriedades rurais.