Bem Vindo ao site Poconé On Line o Portal Internacional do Pantanal. email luisfernando@poconeonline.com
Poconé - MT, 17 de Dezembro de 2017, 07h04   |   Tempo: Mín. ºC | Máx. ºC
Facebook WhatsApp
(65) 9998-1070

Troca de tiros entre PMs no Tijucal mata soldado e deixa sargento ferido

71 visualizações

Izabel Barrizon e Welington Sabino, do GD

O soldado do 1º Batalhão da Polícia Militar, Kenedy Campos da Costa, 25, morreu com tiro no peito após trocar tiros com um sargento, na região do bairro Tijucal, em Cuiabá, na noite de sábado (17). No auge da confusão, outra viatura chegou para dar reforço e informações preliminares apontam que policiais que estavam no veículo também desferiram tiros na direção dos PMs que iniciaram o confronto. Ouça o áudio de um policial relatando como foi a confusão e tiroteio.

Divulgação

Conforme as primeiras informações policiais que circularam em áudios pelo WhatsApp, gravados por outros policiais militares, o soldado tentou abordar o carro onde estava o sargento, pois tinha informações de que suspeitos de praticar um assalto no município de Barão de Melgaço tinham fugido para a Capital e estariam na região do Tijucal.

Conforme informações do 9º Batalhão da Polícia Militar, o soldado que estava de folga e sem farda, decidiu abordar sozinho o veículo onde do sargento. Este por sua vez, supondo ser um assalto, pois não conhecia o soldado, atirou contra Kenedy. Houve revide.

Divulgação

Após tiroteiro, rua ficou tomada por curiosos
Na troca de tiros, ambos foram alvejados. O soldado foi baleado no peito, não resistiu e morreu. O sargento, cujo nome ainda não foi divulgado, foi encaminhado para o Pronto-Socorro de Cuiabá. Há informações de que ele não corre risco de morte.

Policiais que atenderam a ocorrência acreditam que o soldado tinha informações de suspeitos de um roubo e tentou realizar a abordagem, mesmo estando de folga, sozinho, sem pedir apoio.

Conforme um dos áudios gravados por outro policial que estava no Tijucal, o soldado foi "enquadrar" o sargento sem saber que também se tratava de um policial. De acordo com o relato, um atirou e o outro revidou.

"A guarnição estava chegando na hora e quando viu a troca de tiros, atirou também. Todo mundo estava atirando no meio do vuco-vuco aqui. O tenente que chegou depois aqui, chegou e descarregou. Foi bala pra todo lado. Parecia o Iraque aqui no negócio", resume o policial ao confirmar que o soldado morreu e o sargento baleado está hospitalizado.