Bem Vindo ao site Poconé On Line o Portal Internacional do Pantanal. email luisfernando@poconeonline.com
Poconé - MT, 22 de Novembro de 2017, 07h46   |   Tempo: Mín. ºC | Máx. ºC
Facebook WhatsApp
(65) 9998-1070

Walney busca fortalecimento e fomento para pecuaristas de Poconé

450 visualizações
Por: Assessoria
REUNIÃO EM POCONÉ DISCUTIRÁ SOBRE FOMENTO DA CADEIA DO LEITE E DA PRODUÇÃO DE CARNE
Vereador Walney Rosa - PV
Vereador Walney Rosa - PV

Uma indicação do Vereador de Poconé Walney Rosa (PV) marca reunião com o Secretário de Estado de Meio Ambiente; Vice Governador Carlos Fávaro, com o INDEA-MT; com o Sindicato Rural de Poconé através de seu presidente Arlindo Márcio de Moraes (Tico) e Secretário Municipal de Desenvolvimento Agropecuário; Guido Silva, para que se organizem e realizem em Poconé, na data de 30 de novembro (Quinta-feira) a partir das 19 horas no Auditório do Sindicato Rural de Poconé, uma reunião temática para esclarecer aos pecuaristas sobre o Decreto n. 1.260, que regulamenta a Lei n.10.486, que dispõe sobre a defesa sanitária animal e fomenta a cadeia da carne no estado e os benefícios e aplicações de recursos dos fundos para fortalecimento da defesa sanitária - prevenção de doenças e indenização - e viabilização de recursos para a promoção e fomento da cadeia do leite e da carne, esta última exercida exclusivamente pelo Instituto Mato-grossense da Carne (Imac).

Walney Rosa solicita que o governo venha discutir com o setor produtivo e todos os integrantes da cadeia da carne e do leite os melhores caminhos para o fortalecimento da produção e para o desenvolvimento da região.

No estado alguns produtores de gado de corte se manifestaram contrários ao Decreto nº. 1.260. “Eles alegam que o documento, assinado pelo governador em exercício, Carlos Fávaro, na ultima sexta-feira (10), altera o destino de recursos de um fundo privado sem o prévio alinhamento com seus mantenedores, os produtores de carne, por isso é importante esses e outros esclarecimentos aos produtores de Poconé”, acredita Walney.

O Decreto n. 1.260, define todas as normas e procedimentos operacionais do Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT), instituição responsável pela defesa sanitária estadual, fortalecendo a instituição e proporcionando melhorias em sua atuação.

A Lei n.10.486 foi promulgada em dezembro de 2016 e está em sintonia com os critérios estabelecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), entretanto, essas adequações eram necessárias para melhorar ainda mais as atividades do órgão e manter o status sanitário do estado.